Español | Português
Lattes theme logo
CONGRESSO INTERNACIONAL

Património cultural e arquivos de família nos arquipélagos da Macaronésia
Cultural heritage and family archives in the iberian atlantic islands (Macaronesia)

Tenerife, 16 ao 19 de maio de 2018

1ª Circular

As universidades de La Laguna (ULL), Las Palmas de Gran Canaria (ULPGC), Madeira (UMa), Açores (UAç) e Cabo Verde (UCV), em conjunto com o Instituto de Estudos Medievais (IEM) da Universidade Nova de Lisboa, o Centro de Humanidades (CHAM) da Universidade Nova de Lisboa-Universidade dos Açores e o Arquivo Nacional de Cabo Verde (ANCV) e com o patrocínio da Dirección General de Patrimonio Cultural del Gobierno de Canarias, convidam a comunidade científica, proprietários privados de arquivos de familia e membros de instituições culturais e científicas a apresentar as suas propostas de comunicações para o congresso internacional Herencia cultural y archivos de familia en los archipiélagos de la Macaronesia, que se celebrará em Tenerife entre o 16 e 19 de maio de 2018.

Na última década varias linhas de investigação em história e arquivística, têm promovido novas perspetivas de investigação sobre a construção dos arquivos e das fontes históricas. Estas novas correntes, no campo da arquivística histórica e da epistemologia da história, colocam a questão da revalorização dos arquivos de família, não só como repositórios de fontes documentais alternativas aos arquivos institucionais da Igreja e do Estado, mas também como objetos de estudo em si mesmos, devido ao contexto específico de criação e transmissão do arquivo familiar construído à margem dos espaços oficiais do poder político-institucional coevo. Isto faz dos arquivos de família um património comum cujo valor transcende a sua dimensão histórica envolvendo a toda a sociedade, uma vez que resultam especialmente interessantes como expressão de identidades, memórias e discursos históricos plurais. Precisamente porque integram um património cultural comum, a proposta que fazemos é a de aprofundar o conhecimento dos arquivos de família dos arquipélagos da Macaronésia.

O congresso vai-se articular em torno quatro mesas temáticas além de uma conferência inaugural sobre arquivos de família e arquivos de comunidade. Cada mesa temática será precedida de uma comunicação por convite que introduzirá o eixo temático da mesma. Os eixos temáticos de cada mesa serão os seguintes: (1) Os arquivos de família como património cultural da comunidade, (2) a procura duma nova relação entre investigação histórica, arquivos e fontes documentais, (3) o contexto histórico particular dos arquivos de família nas sociedades atlânticas e, especialmente, nos arquipélagos atlânticos e (4) as políticas culturais que se estão a desenvolver no espaço atlântico para contribuir para a conservação, investigação e difusão deste património.

Através desta primeira circular apela-se aos historiadores, proprietários de arquivos, arquivistas e ao resto da comunidade científica a participar nas sessões do congresso. Apela-se igualmente à apresentação de comunicações na secção de comunicações livres inseridas nas quatro sessões do Congresso.

Calendário

Envio de propostas de comunicação (resumos):
12-12-2017 ao 16-02-2018

Aceitação de propostas de comunicação (resumos):
26-02-2018

Inscrição e receção de comunicações aceites (texto completo):
26-02-2018 ao 16-04-2018

Inscrição de congressistas sem comunicação:
23-04-2018 ao 07-05-2018

Contato

Secretaria de Organização do Congresso:
conarcmac.ctcd@gobiernodecanarias.org

Redes Sociais

Programa do Congresso

Abertura
11:00 h. Diretor Geral de Património Cultural do Governo das Canárias.
Representantes das universidades participantes.
12:00 h. Conferência inaugural: “Arquivos de família e arquivos de comunidade”. Dra. Dª. Maria de Lurdes Rosa (Universidade Nova de Lisboa).
Seção 1. Os arquivos de família: patrimônio familiar e patrimônio cultural da comunidade
16:30 h. Conferência: “Archivos y noblezas en la Península Ibérica: una idea y sus papeles” Dr. D. José Antonio Guillén Berrendero (Universidad Rey Juan Carlos).
17:30 h. Coffee Break
17:45 h. Comunicações (por convite e livres).
Seção 2. História, arquivos e fontes documentais
10:00 h. Conferência: “Historia, archivos y fuentes documentales: antiguos problemas, nuevas perspectivas”. Dr. D. Joseph Morsel (Universidad de París I).
11:00 h. Coffee Break
11:30 h. Comunicações (livres)
Seção 3. Sociedades atlânticas e arquivos de família
16:30 h. Conferência: “Entre la autoridad señorial y la corona portuguesa (siglos XV-XVII). Las élites locales de Bragança como caso de estudio”. Dr. Pedro Cardim (Universidade Nova de Lisboa).
17:30 h. Coffee Break
17:45 h. Conferência: “Élites, familia y movilidad social en el mundo atlántico: reflexiones y comparaciones”. Dr. Juan Ramón Núñez Pestano / Dr. Adolfo Arbelo García (Universidad de La Laguna).
Comunicações (livres)
Seção 4. Políticas culturais e arquivos de família
10:00 h. Comunicação: “Arquivos Pessoais e de Família: os seus contextos e interações, nas políticas culturais“ Sr. D. Silvestre de Almeida Lacerda (Director General del Libro, Archivos y Bibliotecas de Portugal).
11:00 h. Coffee Break
11:30 h. Comunicações (livres)
13:00 h. Mesa redonda
  • Dr. Francisco Macías Martín
    Director del Archivo Histórico Provincial de Santa Cruz de Tenerife.
  • Dra. Filomena
    Conservadora del Archivo Nacional de Cabo Verde.
  • Dr. Miguel F. Gómez Vozmediano
    Archivo Histórico de la Nobleza – Univ. Carlos III Madrid.
  • Dra. Maria Fatima Araujo Barros
    Ferreira, Directora del Archivo Regional y Biblioteca Pública de Madeira.
  • Dr. Miguel Ángel Navarro Mederos
    Director del Archivo Histórico Diocesano de San Cristóbal de La Laguna.
  • Dra. Ana Cristina Moscatel Pereira
    Jefa de la División de Archivos de la Biblioteca Pública y Archivo Regional de Punta Delgada (Azores). (pendiente confirmación).
14:00 h. Conclusões do Congresso: Comité Organizador.
Encerramento do Congresso: Director General de Patrimonio Cultural do Governo das Canárias.
10:00 h. Saída de autocarro.
10:45 h. Boas vindas do Sr. Presidente da Câmara Municipal da Vila e Porto de Garachico.
Visita guiada à Vila e Porto de Garachico pelo Dr. D. Carlos Rodríguez Morales (AHPSCT)
14:00 h. Almoço de encerramento.

COMITÉ DE ORGANIZAÇÃO

  • Dra. Mª de Lurdes Rosa
    Universidade Nova de Lisboa
  • Dr. Juan Ramón Núñez Pestano
    Universidad de La Laguna
  • Dra. Rute Días Gregorio
    Universidade dos Açores
  • Dr. Vicente Suárez Grimón
    Universidad de Las Palmas de Gran Canaria
  • Dra. Ana Viña Brito
    Universidad de La Laguna
  • Dr. Nelson Veríssimo
    Universidade da Madeira
  • Dra. María Eugenia Monzón Perdomo
    Universidad de La Laguna
  • Dr. Antonio Correia da Silva
    Universidade de Cabo Verde
  • Dra. María Joao Cámara
    Universidade Nova de Lisboa
  • Dr. Francisco Macías Martín
    Archivo Histórico Provincial de Santa Cruz de Tenerife
  • Dª Judit Gutiérrez de Armas
    Universidad de La Laguna - Universidade Nova de Lisboa
  • Dra. Filomena Andrade
    Archivo Nacional de Cabo Verde


Secretariado da Organização

  • Dr. Carlos Rodríguez Morales
    Archivo Histórico Provincial de Santa Cruz de Tenerife
  • Dª María Encarna Ruiz Valdivia
    Archivo Histórico Provincial de Santa Cruz de Tenerife

COMITÉ CIENTÍFICO

  • Dr. Adolfo Arbelo García
    Universidad de La Laguna
  • Dra. Maria de Lurdes Rosa
    Universidade Nova de Lisboa
  • Dr. Pedro Cardim
    Universidade Nova de Lisboa
  • Dra. María Eugenia Monzón Perdomo
    Universidad de La Laguna
  • Dr. Pedro Bonoso González Pérez
    Universidad de La Laguna
  • Dra. Ana Viña Brito
    Universidad de La Laguna
  • Dr. Vicente Suárez Grimón
    Universidad de Las Palmas de Gran Canaria
  • Dra. Rute Díaz Gregorio
    Universidade das Açores

PROPOSTAS DE COMUNICAÇÃO

As propostas de comunicação poderão ser realizadas em qualquer das duas línguas oficiais do congresso: espanhol ou português.

As propostas de comunicação serão enviadas à Secretaria de Organização do Congresso dentro do calendário determinado na primeira circular (12/12/2017 - 16/02/2018). Nas propostas constarão os dados de identificação do(s) proponente(s), o título da comunicação e um resumo da mesma com o máximo de 500 palavras (veja-se o modelo de proposta de comunicação que se junta).

Cada participante ou grupo poderá enviar uma só proposta de comunicação.

O Comité Científico avaliará as propostas de comunicação baseando-se nos seguintes critérios: (a) a adequação da mesma à temática das seções do congresso, (b) o rigor e correção dos seus fundamentos e (3) a novidade e originalidade dos conceitos e teorias expostos pelo(s) autor(es).

Uma vez realizada a avaliação pelo Comité Científico, os proponentes serão notificados (individualmente) como «autor para correspondência».

Recebida a notificação de avaliação positiva, o(s) proponente(s) da comunicação deverá enviar o texto completo da mesma à Secretaria de Organização do Congresso antes do dia 16 de abril de 2018.

A Secretaria de Organização do Congresso acusará a recepção da comunicação e indicará ao comunicante os dados bancários para o pagamento da inscrição (30 euros).

O texto da comunicação deverá adequar-se às normas de edição contidas no formulário que se publicará na segunda circular.

A organização do Congresso publicará os resumos das comunicações aceites como material do congresso e publicar-se-ão nas atas do mesmo (em open access).

Formulário para propostas de comunicação: baixar.

Cartaz

Organizam

logo

logo
Universidad de
La Laguna
logo
IEM (Instituto de Estudos Medievais)
Universidade Nova de Lisboa
logo
Universidad de Las Palmas
de Gran Canaria
logo
CHAM
Centro de Humanidades / Universidade dos Açores
logo
Universidade
da Madeira
logo
Universidade
de Cabo Verde
logo
Arquivo Nacional
de Cabo Verde